GOSTA DE ESPORTES DE AVENTURA? Então conheça os melhores “picos” da região para se aventurar, com as


Buscando oferecer muito mais do que atividade física supervisionada e sistematizada, a Absoluta Fitness disponibilizará também em seu blog, informações e dicas de onde treinar, comer e ficar, nos melhores “picos” para a prática de esportes de aventura. Vou começar falando da Lapinha da Serra, distrito de Santana do Riacho, que fica a 140 km de BH. Para ir pra lá, passe por Lagoa Santa e ao chegar na Serra do Cipó, siga para Santana do Riacho (25km) e então pegue a estrada de terra (12 km) até a Lapinha.

Conheci a Lapinha nos anos 90, após ser convidado para fazer a travessia Tabuleiro/ Lapinha. Saindo do povoado de Tabuleiro fui me encantando com tudo; a Cachoeira de Tabuleiro com os seus 273 metros de queda d`água, as paisagens cobertas pelo cerrado e os campos rupestres, que nos rodeavam a todo momento, a casa do seu Zé da Olinda e D. Maria onde pousamos e jantamos ouvindo os “causos” desse casal que criou 11 filhos em cima da serra e sem energia. Na segunda noite, pousamos na casa da D. Ana Benta que, sozinha, aos 73 anos, também vivia lá em cima. E, como se não bastasse tudo isso, o que mais me chamou a atenção foram as trilhas maravilhosas, nos mais variados terrenos e níveis técnicos e sempre com água limpa em abundância. Nossa última trilha foi a descida da Serra Branca, trecho que oferece uma vista privilegiada da Lapinha, onde terminou nossa travessia.

Após essa aventura a paixão foi inevitável; hoje me sinto em casa nesse paraíso: já rodei por todos os cantos, competindo ou passeando, de moto, pedalando, a pé ou remando e quero aproveitar essas experiências para facilitar a vida de quem deseja conhecer esse que, na minha opinião, é um dos mais lindos e melhores lugares do mundo para a prática de esporte de aventura.

A vila é simplesmente a mais linda que conheço, difícil sair de lá. O Bar da simpática Valéria, que faz com que qualquer pessoa se sinta em casa, é uma das referências para quem chega à singela pracinha da Igreja. O Cris, com toda sua história de vida, também dirige um bar que não pode passar em branco.

 

Mas vamos ao que interessa, a atividade física. Vou listar algumas das várias opções desse paraíso.

Pico da Lapinha

Um dos principais pontos turísticos da região, o pico oferece uma vista privilegiada das duas lagoas rodeadas pelos maravilhosos paredões típicos da região. A trilha de 4,km (só a ida), é toda sinalizada, muito técnica e indicada para quem já pratica alguma atividade física. A subida dura em torno de 2:00 e 1:15 a descida, mas para atletas bem treinados, é possível subir o pico em menos de 40 minutos, num UP Hill de 4km com um ganho de elevação de 430m. Simplesmente perfeito!!!

Modalidade: trekking

Nível técnico: 4

Tempo total: 4h (não atletas)

Distância total: 9,4km

Cachoeira do Lajeado (trekking / bike)

A apenas 7 km da vila, a trilha é plana e maravilhosa, perfeita para quem está iniciando nos esportes de aventura. A recompensa é um lindo poço no pé da serra com várias quedas d`água que formam uma paisagem deslumbrante, escondida entre as morros da região.

Modalidade: trekking / bike

Nível técnico: 3

Tempo total: 2h (não atletas)

Distância total: 14km

Cachoeira Bicame (trekking / bike)

Localizada a 17km da vila, essa cachoeira paga qualquer sacrifício feito para chegar até lá. Não só a cachoeira, mas as trilhas que também são maravilhosas e técnicas, principalmente para quem se aventura de bike. Os primeiros 5 km podem ser feitos de carro e, caso esteja de 4x4, é possível continuar por mais 2km. Ao se aproximar do poço, o aventureiro é presenteado com a vista da cachoeira de frente e por cima; uma experiência única e inesquecível.

Modalidade: bike

Nível técnico: 4

Tempo total: 4h (não atletas)

Distância total: 34 km (saindo da vila)

Modalidade: trekking

Nível técnico: 3

Tempo total: 5h (não atleta)

Distância: 24 km (indo de carro até fazendinha do riacho)

Volta da serra (rio de pedra / cruzeiro / serra branca)

Indicado para bikers experientes, essa volta de 45 km dos quais 40 são só em trilhas técnicas, exige condicionamento físico e técnico, não sendo indicada para iniciantes. É um percurso duro onde o conhecimento da região, a utilização de um GPS ou um guia é essencial. É também sem dúvida, uma das minhas trilhas prediletas; a beleza da região pode ser contemplada do início ao fim do rolé.

Modalidade: bike

Nível técnico: 5

Tempo total: 4h (atletas)

Distância total: 45 km

Canoagem

Com aproximadamente 6km de extensão, os dois lagos e o rio são uma boa opção para os esportes a remo. No segundo lago ficam as pinturas rupestres (visitação somente com permissão dos proprietários) e as deliciosas praias de areia branca.

Modalidade: stanup, caiaque, canoa canadense

Nível técnico: 1

Tempo total: 2h a 4h (não atletas)

Distância (total): pinturas rupestres (5km) / praias (7 km)

 

Onde ficar

Camping do Bráulio ($) O capricho e o carisma do Bráulio, que é um dos líderes comunitários da região, tornam a estadia em momento de muito prazer e aprendizado sobre a cultura da região. Simplesmente o melhor camping que já fiquei. (31) 9135 0101

Casas do Regí ($$) Localizadas próximo à pracinha, as casas são uma ótima opção para uma hospedagem mais em conta - (31) 98431-9136 WhatsApp

Casa e Chalés da Lagoa ($$$) Da simpática Elaine, a casa fica de frente para a lagoa e a poucos metros da pracinha. Disponibiliza um barquinho a remo perfeito para comtemplar a vista das lagoas

Pousada Alpes de Minas ($$$$) De frente para a segunda lagoa e mais distante da vila, a casa e os 4 chalés oferecem uma das mais lindas vistas da região. Não serve café mas disponibiliza a cozinha e o maravilhoso espaço gourmet. Os caiaques também ficam à disposição e são uma ótima opção para se chegar à tranquila praia de areia branca. (31) 99974-4512

Casa do Teuler ($$$$$) Os 3 chalés e a casa ficam localizados mais ao alto, o que proporciona uma vista perfeita da primeira lagoa e da serra. Quem fica na casa também pode curtir a piscina, a arquitetura e a decoração que são um charme à parte. (31) 99974-4512

Obs.: não é indicada para crianças

 

Onde comer

Self service ($) - Na rua que leva à lagoa estão as opções de self service mais em conta.

Bar da Valéria ($$) - Na pracinha, é possível encontrar tira-gostos e refeições a um bom preço

Padma Chai ($$) - Restaurante vegetariano, oferece comida de boa qualidade e um ambiente que transmite muita paz e tranquilidade.

Restaurante Moendas ($$$) - Às margens da Lagoa, além da gostosa comida e o atencioso atendimento, o restaurante é boa opção de para contemplar a vista da região. Também disponibiliza barquinhos para remar.

Bistrô da Lapinha ($$$) - Na entrada do camping do Bráulio, em um ambiente agradável e descolado, o bistrô é uma boa opção para jantar. Contando com um pouco de sorte, é possível assistir à inesquecível apresentação do Djalma.

Obs.: os pedidos demoram um pouco para serem servidos

Forneria Pizzaria ($$$) - A pizza deliciosa é feita no forno de barro. Sua massa merece destaque, assim como o atendimento dos proprietários que também é muito bom.

Obs.: os pedidos demoram um pouco para serem servidos.

 

Para mais informações, inclusive para obtenção de arquivos GPX dos percursos, entre em contato com a Absoluta Fitness.

#Lapinhadaserra #Lapinha #Montainbike #PicodaLapinha #CachoeiradoLajeado #CachoeiradoBicame #VoltadasERRA #Canoagem #Esportedeaventura #humbertocouto

36 visualizações0 comentário